Duzani doa roupas íntimas para campanha criada para ajudar moradoras de rua

Ação de responsabilidade social visa a ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade que estão vivendo nas ruas

A Duzani, empresa mineira com mais de 20 anos de história, que tem como foco a comercialização e produção de roupa íntima feminina, decidiu participar da campanha de arrecadação de lingeries para moradoras de rua, criada pela Hughes do Brasil, uma subsidiária da Hughes Network Systems LCC (HUGHES), líder mundial em redes e serviços de internet de banda larga via satélite, em parceria com a Cisarte.

Lançada em março pela Hughes do Brasil, a campanha reuniu os colaboradores da empresa para doarem absorventes e roupas íntimas, que serão destinadas a moradoras de rua da cidade de São Paulo. A empresa irá contribuir com a mesma quantidade que arrecadar durante a campanha, cujo período de doações foi prorrogado por conta da pandemia, já que todos os colaboradores estão trabalhando em casa por período indeterminado.

Para Valeria Motta, diretora de RH da Hughes no Brasil, esse tipo de ação faz parte do DNA da companhia. “Queremos poder ajudar aqueles que precisam, ainda mais no atual momento, em que diversas pessoas que vivem na rua necessitam de apoio, cuidados e atenção. Poder contar com parcerias como a da empresa Duzani nessa campanha é simplesmente gratificante”.

Patricia Zani Vargas, presidente do Grupo Duzani, afirma que desde o início de seu empreendimento entendeu que a única maneira de o tornar grande, era por meio de pessoas. “Não conseguimos nada sozinhos. Por isso me sinto na obrigação, como empresária, de contribuir, sempre que posso, de alguma forma com a sociedade, mais ainda, no caso do nosso negócio com as mulheres, pois elas sempre foram o maior patrimônio de nossa marca, a principal inspiração do meu coração”, afirma Patricia.

A Duzani doou mais de 200 peças para a campanha de cuidados femininos para a população de rua na cidade de São Paulo, estimada em 24.344 pessoas em 2019, segundo censo realizado pela Prefeitura de São Paulo. No Brasil, as mulheres representam de 15% a 20% dessa população.

A Cisarte, projeto criado em São Paulo em 2016, presta ajuda a moradores de rua e atende anualmente cerca de 14.400 pessoas por meio de oficinas, roda de conversas, profissionalização e orientação sobre saúde. Em média 30% são mulheres.

Luciene Inácio, administradora da Cisarte, reforça a importância desta campanha neste momento de isolamento social. “Eu já estava grata à Hughes, porque pela primeira vez recebemos apoio nesse sentido de uma empresa. Agora, com a participação da Duzani, ficamos ainda mais felizes pois aumenta a repercussão da campanha em um momento crítico, em que a mulher em situação de rua precisa ter acesso a itens básicos como absorventes e roupas íntimas, para reforçar a necessidade de manter a higiene como um todo”, complementa Luciene.

#TODOSEMCASA

Deixe uma resposta