Especial: Dia das Mães

Dia das mães e todo ano é a mesma coisa: Ganhamos coisas para casa, mas nunca aquele salto que tanto sonhamos. Saímos para almoçar com a família, mas não ganhamos aquele café na cama com cappuccino, chantilly e rosas vermelhas. Mãe tem vergonha de falar o que sente, de pedir o que deseja, sente culpa por cuidar de menos, remorso por pegar no pé demais… E nunca estamos satisfeitas! Mas antes de pensar no presente em si, que tal dar algumas outras alegrias para sua mãe?

mae_e_filha_061
NUNCA DEIXE DE ATENDER UM TELEFONEMA DA SUA MÃE

Ok, somos meio neuróticas e queremos saber se vocês já comeram, onde estão, se já chegaram, saíram, enfim. Mas é lógico que vocês estão grandinhos e não precisam de tanto controle assim e mãe tem um faro louco para ligar em horas inconvenientes. Então, para não ficarmos pensando besteira – que você foi sequestrado, assaltado, o mundo está louco demais – combine um código com sua mãe: Se desligar no terceiro toque é porque NÃO PODE ATENDER, e não porque não quer. Esse direito você não tem.

LEVE UM CASAQUINHO

Se tem uma coisa que mãe tem é intuição. Se ela manda levar um casaquinho, guarda chuva ou protetor para radicação atômica, é bom obedecer. Mas pode trocar o casaquinho por uma bela jaqueta de couro, um cardigã poderoso e arrasar nesse frio. Obedecer a sua progenitora não quer dizer que você seja o “filhinho da mamãe”, apenas que você tem bom senso.

QUALQUER DIA EU SUMO!

Sabe os chiliques que sua mãe dá falando que vai sumir e nem vai levar celular para ter descanso de filhos? Pois é. Pura balela. Mas tem dia que dá vontade de dar uma descansada, cuidar de si um pouco e escutar passarinhos cantando ao invés de MÃEEEEEEEEE. Se der, presenteie sua mãe com um final de semana na montanha, no SPA, na praia. Ou se a grana estiver curta, rola até um cinema ou teatro. Ela dá uma respirada, distrai a mente e volta mais feliz… Pra você!

COMPRE UM PRESENTE… PRA ELA!

Não adianta perguntar para sua mãe o que ela quer ganhar de presente. A resposta vai ser sempre: “Não precisa, meu filho, eu já tenho você!” Eu amo meus filhos, mas não dispenso uma bela bolsa ou um aquele par de botas. Então, preste um pouco de atenção na sua mamys. O que ela gosta, se a bolsa está mais velhinha, a blusa de lã cheia de bolinhas, enfim. E nem pense em errar a numeração, espione as etiquetas antes, please!

ELA MERECE SER FELIZ

Mãe é amor incondicional e vai te apoiar na alegria e na tristeza, na infância e na adolescência, nas crises e casamentos. Ela não espera nada em troca além do seu amor incondicional também. No fim, se você apenas lhe der um abraço e falar baixinho TE AMO MÃE, nada mais vai importar. Só não maltrate muito nosso coraçãozinho. Mãe sofre!

1 Comment

Add Yours

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *