Missão dada é missão cumprida!

No meu último workshop no Guaja, lancei um desafio: Quem conseguisse mudar a própria imagem até chegar na que considerava ideal, ia ganhar uma tarde de consultoria comigo. E a grande vencedora foi revelada, com um depoimento lindo e fotos reveladoras…Parabéns Adriana, orgulho de você!

adriana 1Adriana – 15-02

Carol, acordei animada com suas dicas e estou tentando com o que tenho melhorar a imagem. Arriscar mais, já que percebi meu total desconhecimento da área. Mto obgda. Bons ventos. Bjs da Adriana. Turma Guaja 14/2/2017.

adriana 216-02

Carol bom dia . O desafio continua. Aos poucos vou perdendo o medo de arriscar. Mudança de atitude com as dicas .Obgda. 🎏

adriana 421-02

Ei Carol bom dia. Continuo com as dicas e cada vez fica melhor. Continuo na lida. Mto obgda. Seu trabalho é muito bom e anima a gente.
Bom dia com ótimas energias.
fico super feliz!!!!

adriana 304-03

Carol Buenos dias. Continuo no desafio. Meu guarda roupa é cheio de ar . Mesmo assim estou tentando fazer o melhor. Hj estou indo p niver na área rural e olha não é fácil essa tal de imagem pessoal., pricipalmente pq nunca liguei para isso até fazer o curso.Estilo anterior selvagem e prós cocos e agora aprendiz de recruta zero. – Bjs bom fim de semana.
adriana 513-02
Bom dia Carol. E sobre suas dicas continuo esforçando . Mas sempre caio no lugar comum. Tipo variações sobre o mesmo tema. Obgda. Bjs.
E ela era assim…
elvira
Carol… então…se passaram 30 dias do desafio feito por vc, que era postar fotos que demonstravam uma mudança de atitude quanto à imagem pessoal. Até a data de 14-2-2017, achava que um vestidinho marrom da Elvira Matilde, era a melhor vestimenta que possuía no meu guarda roupa.
Gostava da cor dele, o marrom, transmite compromisso. Quando compreendi que a imagem é muito mais atitude interna, de como me apresentar ao outro, os sentimentos se transbordaram. Houve um grande resgate de mim. Tenho poucas peças de roupas, só tenho o que uso. Não sou consumista e fui educada a não desperdiçar os recursos. E além do mais, por diversas situações vividas, uma tia costurava para nós e recebíamos doações de roupas de primas. Até hoje aprecio e conservo este hábito de doar e trocar roupas entre os familiares. Sinto-me honrada e merecedora das suas dicas tão preciosas neste concurso , para acabar de montar um guarda roupa básico e que me transmita segurança para desfilar pela vida. Obrigada e quando puder vamos agendar o prêmio. Bjs e obrigada.
É ou não é um presente? Obrigada querida por me fazer acreditar ainda mais nessa paixão que escolhi como profissão…Grande abraço!