Na hora de fazer a mala, é importante prestar atenção em detalhes que podem evitar transtornos nos dias de folga. Confira!

As férias de final de ano estão chegando e esse é um período em que muitos brasileiros se preparam para viajar. Os dias de folga podem proporcionar diversão nas festividades e também a chance de conhecer um novo destino. Se a opção for sair da cidade, é importante que o trajeto seja feito de forma tranquila, sem imprevistos. Por isso, veja sete itens que podem evitar problemas antes mesmo que a viagem comece.

Bateria extra: atualmente, é rara a utilização de mapas de papel para indicar o caminho – se a sua viagem for de carro. Para impedir problemas com a indicação do trajeto, é recomendável levar sempre o carregador de celular ou uma bateria extra (carregada). Dessa forma, se o celular descarregar, o GPS poderá continuar funcionando sem problemas.

Soluções para eventual enjoo: seja no automóvel, ônibus, trem ou avião, é comum sintomas de enjoo aparecerem, devido às várias horas sentado na mesma posição. Se esse é o seu caso, consulte seu médico para saber quais medicamentos que combatam o mal-estar possam ser levados com você.

Hidratação: se a viagem for longa, é necessário ingerir líquidos e hidratar o corpo. Portanto, é imprescindível ter água e outras bebidas de maior valor nutricional, como sucos naturais.

Alimentos leves: assim como a hidratação, é igualmente importante ter alimentos de alto valor nutritivo, a fim de evitar qualquer imprevisto por falta de nutrientes no corpo. Para não dar a chance de congestões e enjoos acontecerem, o recomendado é que sejam alimentos leves, como frutas e barras de cereal.

Circulação: se a viagem for de carro ou avião, ficamos inevitavelmente parados na mesma posição. Dessa forma, o sangue tende a descer para as pernas e ficar ‘parado’ por lá. Para impedir dores, inchaços e desconforto durante o trajeto, é de extrema importância manter a circulação ativa. Faça paradas regulares para caminhar e coloque as pernas para cima de vez em quando.

Música: para evitar a monotonia do trajeto, é interessante levar algum dispositivo para ouvir música. Pode ser caixa de som, cabo para o som do veículo (o sinal de rádio pode falhar em lugares mais remotos), no caso de viagens de avião, fones de ouvido.

Dinheiro em espécie: com a tecnologia e a popularização dos cartões, saímos de casa muitas vezes sem dinheiro algum em espécie. Principalmente para trajetos de carro, é importante ter dinheiro ‘vivo’ para pagar pedágios e consumir em estabelecimentos de beira de estrada (que muitas vezes não aceitam cartões). Uma quantia em espécie também te deixa protegido no caso de imprevistos, como ter que pagar serviços de borracheiro ou mecânico.

Covid: Não se esqueça de levar sempre o comprovante de vacina e se informe sobre as restrições de  cada local.

PREVINA-SE E BON VOYAGE!